www.amigosdatradicao.com.br
 


 
 
Busca
 
 
Menu
  Página Inicial
Vocabulário
  Oração do Gaúcho
  Adágios Gaúchos
  Anedotas de Gaúcho
  Dicionário Gaúcho
  Ditados Gaúchos
  Expressões Gaudérias
Costumes
  Churrasco
  Culinária
  Chimarrão
Cavalos
  Origem do Cavalo
  Nomenclatura
  Pelagem
  Fotos
Cultura
  As Lendas Gaúchas
  Os Mitos Gaúchos
  Danças Tradicionalistas
  Indumentária Gaúcha
  Tradicionalismo
História
  Cronologia Histórica
  Estrutura de um CTG
  Gaúcho e sua Origem
  Princípios Gaúchos
  Comportamento
  Ética Tradicionalista
  O Tropeirismo
  Formação da Estância
  Guerra dos Farrapos
Poesias
Músicas
  Cifras
  Letras
Galeria de Fotos
 
Participe do Portal
 
 
Receba Notícias por e-mail
 
Nome:
E-mail:

Adicionar Remover

 
Registro da Marca
   
Música: Mulher Faladeira
 

A mulherada anda fazendo fuxico
Dizendo que eu fiquei rico e não vou mais trabalhar
Que eu arranjei uma mulher que tem dinheiro
E que eu passo o dia inteiro cantando prá lá e prá cá

Andam falando que eu frequento o meretrício
Que esse é meu vício e ainda vai me quebrar
Que tô bebendo só o vinho do vigário
E tem que marcar horário quem quiser me encontrar

N`alguns amigos já não posso confiar
O interesse está em primeiro lugar
Tomo cuidado até com a parentada
Pois só querem fazer farra e festança prá eu pagar

Se tão pensando que eu vou me entregar
Eu abro o olho e me esquivo desta gente
Meu pai me disse que os amigos de verdade
Dá prá contar até na mão do presidente

Sai prá lá faladeira, sai prá lá fofoqueira!
Vê se cuida do teu rabo, vê se para de fuxico
Vê se larga do meu pé!

a mulherada......
andam falando.....

deixa que digam meu amor que eu tenho outra
que todo peixe sempre morre pela boca
deixa que pensem e que falem o que quiser
eu sou teu “home” e tu és minha mulher

são afiadas estas línguas faladeiras
que nem peixeira de baiano matador
falam de tudo prá acabar meu casamento
e eu tapo a beijo as “oreia” do meu amor


Artista/Compositor: Bando Gaúcho

 
Portal Amigos da Tradição - 2004 | 2020 - WebMaster: Jonatan S. da Costa